Friday, August 28, 2009

Humor - Definições do indefinível


Humor - Definições do indefinível
  · Nada mais humorístico do que o próprio humor,
quando pretende definir-se
(Friedrich Hebbel). 
 · Definir o humor é como pretender pregar a asa de uma borboleta usando como alfinete um poste de telégrafo
(Enrique Jardiel Poncela). 
 · Humor é a maneira imprevisível,
certa e filosófica de ver as coisas .
(Monteiro Lobato) 
 · O humorismo é o inverso da ironia.
(Bergson) 
 · O humorismo é o único momento sério
e sobretudo sincero da nossa quotidiana mentira.
(G. D. Leoni) 
 · O humor é o açucar da vida.
Mas quanta sacarina na praça!
(Trilussa) 
 · O humor é o único meio de não sermos tomados a sério,
mesmo quando dizemos coisas sérias: que é o ideal do escritor .
(M. Bontempelli) 
 · O humor compreende também o mau humor.
O mau humor é que não compreende nada.
(Millôr Fernandes) 
 · O espírito ri das coisas.
O humor ri com elas.
(Carlyle) 
 · A fonte secreta do humor não é a alegria,
mas a mágoa, a aflição, o sofrimento.
Não há humor no céu.
(Mark Twain) 
 · O humor é uma caricatura da tristeza.
(Pierre Daninos) 
 · O humor é a vitória de quem não quer concorrer.
(Millôr Fernandes) 
 · A própria essência do humor é a completa,
a absoluta ausência do espírito moralizador.
Interessa-lhe pouco a pregação doutrinal e a edificação pedagógica.
O humor não castiga, não ensina, não edifica, não doutrina.
(Sud Menucci) 
 · O humorismo é dom do coração e não do espírito.
(L. Boerne) · O humorismo é a arte de virar no avesso,
repentinamente,
o manto da aparência para por à mostra o forro da verdade.
(L. Folgore) 
 · O humor tem não só algo de liberador,
análogo nisso ao espirituoso e ao cômico,
mas também algo de sublime e elevado.
(Freud). 
 · Humorismo é a arte de fazer cócegas no raciocínio dos outros.
Há duas espécies de humorismo: o trágico e o cômico.
O trágico é o que não consegue fazer rir;
O cômico é o que é verdadeiramente trágico para se fazer.
(Leon Eliachar) 
 · O humorismo é a quintessência da seriedade
(Millôr Fernandes) 
 · O humorista é um forte bom, vencido,
mas sobranceiro à derrota.
(Alcides Maia) 
 · O humor é a polidez do desespero.
(Chris Marker)

Wednesday, August 26, 2009

QUERO


Texto de :
Mario Quintana
Quero sempre poder ter um sorriso estampando meu rosto.
Mesmo quando a situação não for muito alegre...
E que esse meu sorriso consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.
Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém...
E poder ter a absoluta certeza de que esse alguém também pensa em mim quando fecha os olhos, que faço falta quando não estou por perto. Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras, alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho...
Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons sentimentos que a vida proporciona, que dê valor ao que realmente importa, que é meu sentimento e não brinque com ele.

Monday, August 24, 2009

MENSAGEM DO DIA


"Para você, desejo o sonho realizado.
O amor esperado.
A esperança renovada.
Para você, desejo todas as cores desta vida.
Todas as alegrias que puder sorrir.
Todas as músicas que puder emocionar.
Para você neste final de ano, desejo que os amigos sejam mais cúmplices, que 
sua família esteja mais unida, que sua vida seja mais vivida.
Gostaria de lhe desejar tantas coisas. Mas nada seria suficiente.
Então, desejo que você tenha muitos desejos.
Desejo grandes e que eles possam te mover a cada minuto,
rumo a felicidade.”
(Carlos Drummond de Andrade)

Friday, August 21, 2009

PARA REFLETIR : A paciência e o tempo





O fabulista francês A Fontaine dizia:"a paciência e o tempo conseguem mais do que a força e a violência".E este sábio pensamento nos recorda o que obtém a gota de água que cai pacientemente sobre a forte rocha:Pouco a pouco a vai talhando e chega o momento em que a penetra graças a uma constância infatigável.Paciência é a virtude que nos enche de paz e nos permite conservar a acalma em situações desesperadas.A serenidade que cresce em teu interior te volta forte e seguro, presenteia-te acalma e equilíbrio.Com paciência superas os momentos graves, consertas os erros e encontras ventos favoráveis.A paciência e a aceitação te permitem assumir o inevitável e ressarcir-te sem perder o controle.Vive unido a Deus porque Ele é manancial de paz e nunca te abandona, é teu escudo protetor e teu refúgio.

Wednesday, August 19, 2009

Abraços




Mande para alguém que você realmente goste e se ele se importar com você, também o enviará de volta pra você.Então veja quantos realmente se importam.Mande-o de volta.
Abraços!
Você acaba de ser abraçado. Existe algo em um simples abraço que sempre aquece o coração e dá-nos boas vindas ao voltarmos para casa, e torna mais fácil a partida.Um abraço é uma forma de dividir as alegrias e tristezas que passamos,ou só uma forma para amigos dizerem que se gostam porque,simplesmente, você é você. Abraços significam amor para alguém com quem realmente nos importamos para nossos avós ou nossos vizinhos, ou até mesmo para um gatinho amigo.Um abraço é algo espantoso é a forma perfeita de mostrar o amor que sentimos, mas que palavras não podem dizer.É engraçado como um simples abraço faz-nos sentir bem em qualquer lugar ou língua...É sempre compreendido.E abraços não precisam de equipamentos, pilhas ou baterias especiais.É só abrir os braços e os corações... Guarde este abraço !

FLASH

Ariannie with Aunt.

Monday, August 17, 2009

AMOR OU AMIZADE


Perguntei a um sábio, a diferença que havia entre amor e amizade.Ele me disse essa verdade: O Amor é mais sensível, a Amizade mais segura.O Amor nos dá asas , a Amizade o chão.No Amor há mais carinho, na Amizade compreensão.O Amor é plantado e com carinho cultivado, a Amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza, torna-se uma grande e querida companheira.Mas quando o Amor é sincero ele vem com grandes amigos, e quando a Amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho.Quando se tem amigos como você... ambos sentimentos coexistem dentro do coração."
Que a semana possa trazer tantos amores quanto de amizades!

PARA REFLETIR : AMOR Y AMISTAD

Pregunté a un sabio, la diferencia que había entre amor y amistad.Él me dijo esa verdad: El Amor es más sensible, la Amistad más coge.El Amor nos da alas , la Amistad el suelo.En el Amor hay más cariño, en la Amistad comprensión.El Amor es plantado y con cariño cultivado, la Amistad viene faceira, y con cambio de alegría y tristeza, se hace una grande y querida compañera.Pero cuando el Amor es sincero él viene con grandes amigos, y cuando la Amistad es concreta, ella es llena de amor y cariño.Cuando se tiene amigos como usted... ambos sentimientos coexisten dentro del corazón."

Friday, August 14, 2009

PARA REFLETIR : QUANDO ME AMEI


Quando me amei de verdade, pude compreender que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa. Então, pude relaxar.Quando me amei de verdade, pude perceber que o sofrimento emocional é sinal de que estou indo contra a minha verdade. Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento. Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma coisa ou alguém que ainda não está preparado, inclusive eu mesmo. Quando me amei de verdade, comecei a me livrar de tudo o que não fosse saudável. Isso quer dizer: pessoas, tarefas, crenças e qualquer coisa que me pusesse para baixo. Minha razão chamou isso de egoísmo. Mas, hoje eu sei que é amor-próprio. Quando me amei de verdade, deixei de temer meu tempo livre e desisti de fazer planos. Hoje, faço o que acho certo e no meu próprio ritmo. Como isso é bom! Quando me amei de verdade, desisti de querer ter sempre razão e, com isso, errei muito menos vezes. Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Isso me mantêm no presente, que é onde a vida acontece. Quando me amei de verdade, percebi que a minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas, quando eu a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.

Tuesday, August 11, 2009

PARA REFLETIR: DESEJO


Dentre os vários escritos de Victor Hugo, o ilustre romancista francês, há um poema de profunda sensibilidade e grandiosa beleza, que diz o seguinte: Desejo, primeiro, que você ame, e que amando, também seja amado. E que se não for, seja breve em esquecer. E que esquecendo, não guarde mágoa. Desejo também que tenha amigos, ainda que maus e inconseqüentes. Que sejam corajosos e fiéis, e que pelo menos num deles você possa confiar sem duvidar. E porque a vida é assim, desejo ainda que você tenha adversários. Nem muitos, nem poucos, mas na medida exata para que, algumas vezes, você se interpele a respeito de suas próprias certezas. E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo, para que você não se sinta demasiado seguro. Desejo, depois, que você seja útil, mas não insubstituível. E que nos maus momentos, quando não restar mais nada, essa utilidade seja suficiente para manter você de pé. Desejo, ainda, que você seja tolerante, não com os que erram pouco, porque isso é fácil, mas com os que erram muito e irremediavelmente, e que fazendo bom uso dessa tolerância, você sirva de exemplo aos outros. Desejo que você, sendo jovem, não amadureça depressa demais, e que, sendo maduro, não insista em rejuvenescer, e que, sendo velho, não se entregue ao desespero. Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor, e é preciso deixar que aconteçam no tempo certo. Desejo, por sinal, que você seja triste, não o ano todo, mas apenas um dia. E que nesse dia descubra que o riso diário é bom, o riso habitual é insosso e o riso constante é insano. Desejo que você descubra, com a máxima urgência, acima e a respeito de tudo, que existem oprimidos e infelizes, e que estão à sua volta. Desejo, ainda, que 
você afague um gato, alimente um cuco e ouça o João-de-barro erguer triunfante o seu canto matinal porque, assim, você se sentirá bem por pouca coisa. Desejo também que você plante uma semente, por mais minúscula que seja, e acompanhe o seu crescimento, para que saiba de quantas muitas vidas é feita uma árvore. Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro, porque é preciso ser prático. E que pelo menos uma vez por ano coloque um pouco dele na sua frente e diga "isso é meu", só para que fique bem claro quem é o dono de quem. Desejo também que nenhum de seus afetos morra, por ele e por você, mas que, se morrer, você possa chorar sem se lamentar e sofrer sem se culpar. Desejo, por fim, que você, sendo homem, tenha uma boa mulher, e que sendo mulher, tenha um bom homem e que se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes, e quando estiverem exaustos e sorridentes, ainda haja amor para recomeçar.
Pense nisso! Muitas vezes, desejamos que a vida seja feita apenas de coisas que nos parecem agradáveis, esquecidos de que são os obstáculos que nos fortalecem e nos fazem evoluir. São as responsabilidades que nos pesam aos ombros que nos mantêm com os pés no chão, e as forças contrárias servem de testes para nossa resistência. Assim sendo, só podemos avaliar o valor das circunstâncias pelas lições que nos deixam depois que passam.

Monday, August 10, 2009

Mensagem do dia


"...Tempo amigo seja legal
Conto contigo pela madrugada
Só me derrube no final..." 
(Pato Fu)

Friday, August 7, 2009

PARA REFLETIR: SONHOS


Acordei de um sono intenso, 
E descobri que havia sonhado 
Com as flores do jardim 
Que ainda não havia conhecido 
As primeiras emoções surgiram 
Quando, também pela primeira vez 
Escutei uma canção 
E quando as primeiras palavras vieram a boca, 
Também descobri a palavra amor, mas… 
Não sabia quão complicado, esse desconhecido, 
Apenas que era um mistério a ser decifrado 
Um dia, quando tudo parecia caminhar tranqüilo, 
Estava eu a beira de uma descoberta… 
Não foi lá grandes coisas, 
Era apenas um alarme falso da alma, 
Tudo bem, falei comigo mesma e o sonho ainda continuou… 
Mais um dia vem, me chamar atenção, 
Era uma paixão que logo se foi ao cair da noite. 
O sonho continuou a seguir o seu caminho… 
Pois, bem… 
Descobri a desilusão a primeira palavra do vocabulário que não estaria como sinônimo da palavra amor. Depois descobri a palavra paixão, que se vai com o tempo e deixa apenas feridas e muitas vezes não deixa nada, e como um nada se vai. Imaginei que o amor não se enquadraria nesse desconhecido. 
Mas… O sonho não parou, 
Encontrei uma estrela que me dizia, que a formosura de um belo dia está no azul do amanhã que surge… 
Não entendi. Quando, no meio do caminho encontrei várias pedras, pensei em voltar a realidade, Apenas, me cansei de sonhar, 
Foi somente, um não para novamente me sentir um nada. 
Também não entendi. 
Descobri a palavra covardia, não simpatizei com ela… Procurei um outro sentido para a vida, Então, pude sentir o perfume das flores e respirar o ar puro do amanhã, porque… 
Descobri a palavra fé, perseverança, Força de vontade. Mas, antes de mais nada, pedi um abraço aquele que me criou. Desde então encontrei a palavra amor e todos os seus significados.

Wednesday, August 5, 2009

PARA REFLETIR: Balões de gás.



Uma lição de vida através dos balões de gás.  

Era uma tarde de domingo e o parque estava repleto de pessoas que aproveitavam o dia ensolarado para passear e levar seus filhos para brincar. O vendedor de balões havia chegado cedo, aproveitando a clientela infantil para oferecer seu produto e defender o pão de cada dia. Como bom comerciante, chamava atenção da garotada soltando balões para que se elevassem no ar, anunciando que o produto estava à venda.  Não muito longe do carrinho, um garoto negro observava com atenção. Acompanhou um balão vermelho soltar-se das mãos do vendedor e elevar-se lentamente pelos ares. Alguns minutos depois, um azul, logo mais um amarelo, e finalmente um balão de cor branca. Intrigado, o menino notou que havia um balão de cor preta que o vendedor não soltava. Aproximou-se meio sem jeito e perguntou: "Moço, se o senhor soltasse o balão preto, ele subiria tanto quanto os outros?" O vendedor sorriu, como quem compreendia a preocupação do garoto, arrebentou a linha que prendia o balão preto e, enquanto ele se elevava no ar, disse-lhe: "Não é a cor, filho, é o que está dentro dele que o faz subir." O menino deu um sorriso de satisfação, agradeceu ao vendedor e saiu saltitando, para confundir-se com a garotada que coloria o parque naquela tarde ensolarada.  O preconceito é uma praga que se alastra nas sociedades e vai deixando um rastro de prejuízos, tanto físicos como morais. O preconceito de raça tem feito suas vítimas, ao longo da história da humanidade. O preconceito é um inimigo público que deveria ser combatido como se combate uma epidemia. Essa chaga social tem emperrado as rodas do progresso e da paz.  Reflita: "Não é a cor, nem a raça, nem a posição social, nem a religião, nem as aparências externas, "Não é a cor, filho, é o que está dentro dele que o faz subir."

Monday, August 3, 2009

MENSAGEM DO DIA

"Amar é a capacidade de estar presente na vida do outro".